Image and video hosting by TinyPic

quinta-feira, maio 05, 2005

Clockwork Boys - Entrevista


Dirty House - Para começar, quem são os Clockwork Boys? Quando surgiram, como, porquê?

Clockwork Boys - Os Clockwork Boys são hoje em dia eu, Cobra Skin na voz,o Dr.Ray Ban no baixo, o Zé Abutre na guitarra, o Angel Face nos back vocals, e o Mãozinhas na bateria. Surgimos em janeiro de 2005, andavámos fartos de ver isto estagnado, e só ver bandas de merda, o pessoal sem saber fazer bom punk-rock, como nos anos 90 se fazia, e se reparares vais ver que as bandas mesmo boas eram as dos anos 90, e claro anos 80´s, e eu já tinha a ideia de fazer um projecto há muito tempo, para ver se dávamos o pontapé de saída a muitas outras bandas, o pessoal tem de se mexer, querem cena Oi!, têm de fazer por isso. Em suma foi isso, e como éramos todos amigos já há uns anos, começámos, o Dr.Ray Ban e o Angel Face, vieram por acréscimo, sempre gostámos deles , e achámos que se enquadravam muito bem no espiríto da banda, muito mesmo!!! ehehehee

DH - Qual o porquê do nome "Clockwork Boys", como surgiu esse nome?

CB - O nome fui eu (Cobra Skin) que o escolhi, porque gostei, adoro o filme da laranja mecânica, adoro hooliganismo, destruição, caos, violência, e achei o nome bom para o género de som que íamos fazer. E é um nome que fica no ouvido além de ser mais fácil ser reconhecido além fronteiras.

DH - Quais são os vossos principais objectivos, enquanto banda?

CB - Gravar muitos discos, o que se vai tornar possível, graças a termos amigos com editoras, e a gostarem do nosso som, estamos a deixar muita gente impressionada, e o que vos posso dizer é, aguardem por uma gravação a sério, e aí vão ver todo o poder dos clockwork boys. Queremos também dar concertos a sério, não tanto por cá, mas mais lá fora, Espanha, Londres,I tália, França, Holanda, Bélgica, e por aí fora, temos muitos bons contactos, felizmente...E queremos dar-nos a conhecer ao maior número de pessoas.

DH - Para quem não vos conheçe, como definem a vossa sonoridade?

CB - Bom...somos mais Oi!, mas temos muito de rock também, e por isso mesmo digo, somos capazes de agradar a muitos estilos de pessoas, desde skins, a punks, a rockabillyes, a metaleiros, as nossas músicas ficam facilmente na cabeça, e as nossas letras são cheias de jogo.


DH
- Quais são as principais influências dos Clockwork Boys?

CB - Essa pergunta é dificil, mas acho que a resposta talvez não desiluda, a nível de letras e atitude, podemos dizer que Rose Tattoo e Ac/Dc são grandes influências. Depois Aqui del Rock, Xutos(antigo), Tolbiacs Toads, L´Infanterie Sauvage, Komintern Sect, Condemned 84, Sex Pistols, Undertones, 4-Skins, The Oppressed, e Cockney Rejects musicalmente. É muito variado o nosso som, no mesmo contexto mas muito variado e ao mesmo tempo original.

DH - Quais as vossas bandas favoritas em Portugal? Ou as que ouvem mais?

CB - Aqui del Rock, Porcos Sujos, Crise Total, Mata-Ratos, Incriminados, Albert Fish, We Were Wolves, The Parkinsons, Grito Final, Kú de Judas, M.a.d, Punchskulls.

DH - Que pensam da cena Oi! em Portugal, pretendem criar uma, ou fortalecê-la, ou pensam que tal não é possível, seja pelas dimensões do país e pelas dimensões do punk oi, ou do hardcore, em Portugal, ou por outros motivos quaisquer?

CB - Não existe ainda cena Oi! em Portugal, essa é a verdade, mas vai surgindo a pouco e pouco, skins sempre houve, agora falta é acção, união, e organização, creio que estamos a dar largos passos, e creio que este ano de 2005, vai ser prolífico no que respeita a bandas. Espero termos sido o motor de arranque para mais bandas, ainda quero um dia ver em Portugal, à semelhança de outros países, com uma cena Oi!, espero que forte, organizada, e ver menos polítiquice e arrogância.

DH - Vão lançar para breve um picture ep, falem-nos um pouco disso, quando irá sair, como se chamará, como irão "meter" isso cá fora, etc?

CB - A ideía do disco foi numa noite em casa dum amigo, à conversa, surgiu o convite para gravarmos uns discos, o que desde logo nos agradou, parece que vamos lançar o primeiro disco mesmo Oi!Skin a 100%,em Portugal. O que só nos enche de orgulho, e nos dá ainda mais força e motivação. Quanto ao nome do disco a ideia inicial para o nome era "Rock nas Cadeias", mas hoje estamos um bocado indecisos ainda em relação ao nome para o disco, posso adiantar que sairá em formato picture Ep, o que nos agrada ainda mais. Quanto ao nome das editoras, prefiro manter para já, em segredo. Mas sairá num trabalho conjunto por 2 editoras.

DH - Algum dos membros da banda tem outros projectos musicais? Se sim quais?

CB - Cobra Skin: Eu estou a ensaiar com o guitarrista de Mortos de Fome, e queremos gravar um ep também ou alguma coisa com mais qualidade, para quem não saiba, Mortos de Fome era uma banda muito influenciada por Anti Cimex, e outras bandas escandinavas e japonesas. Estou também a tocar baixo nos The Violence, é mais uma banda Oi!, que promete muito. (Influências dos The Violence - banda clockwork punk Oi! na onda Uk 82 com letras em Inglês e Português: Partisans, Sham 69, Infa Riot, Blitz, The Boys, The Adicts, Major Accident, Aqui Del Rock)



DH - Ultimos comentários:

CB - Obrigado pela entrevista, boa sorte para o blog, que acho mesmo ser bastante bom, e ser o que nos faltava, por cá. Um Abraço a todos os fans de Clockwork Boys. Skinheads Rock n Roll...

Fonte:Dirty House

Etiquetas: , ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial


 

 

free website stats program