Image and video hosting by TinyPic

segunda-feira, fevereiro 27, 2006

The Ratazanas - Early Skinhead Reggae nacional


Ora aqui está uma boa notícia. Já temos uma banda de Early Skinhead Reggae em Portugal. Dão pelo nome de The Ratazanas.

Nos últimos dois anos a cena ska portuguesa deu um grande salto. Apereceram novas bandas (Contratempos, Three And Quarter, Humble, Banshee, Skareta, Skalibans...), páginas web (Movimento Ska...), Concertos (Festival Ska de Cá, The Skatalites, The Slackers, The Toasters, dezenas de concertos de bandas nacionais), muitas festas ska e skinhead reggae (Tributo a Laurel Aitken...), programas de rádio (Radio Jamaica...), várias edições em CD, o aparecimento de uma loja, no Bairro Alto, dedicada ao estilo, o aparecimento e crescimento das secções de ska e reggae nas lojas e distribuidoras de música...etc.


Do Ska tradicional, passando pelo Ska com influências da britânica Two Tone ao Ska Core, de tudo um pouco já vai havendo em Portugal. Realmente só faltava uma banda de Early Reggae.

Para os menos informados Early Reggae ou Skinhead Reggae quer dizer, em poucas palavras, o Reggae que se fazia originalmente (fins dos anos 60's, início dos 70, do século passado) na Jamaica e em Inglaterra. Artistas como Desmond Dekker, Jimmy Clif, Laurel Aitken, Symarip, Prince Buster, estão entre os mais famosos artistas de Skinhead Reggae. Até mesmo Bob Marley (Hooligans) praticou este estilo musical antes de se tornar o Guru da cena Reggae jamaicana com influências rastafarianas.

Early porque era mesmo o origianal. Apareceu como evolução do Ska e Rock Steady. O ritmo é mais lento do que o ska. Tem a particularidade de dar destaque ao orgão e às vozes soul. As letras estão dedicadas aos problemas do dia a dia, temas de amor-romance, problemas sociais, etc. O rastafarianismo e as drogas tinham pouca ou nenhuma relevância nessa altura.

Skinhead Reggae porque em Inglaterra quem mais comprava e apoiava este género de música e artistas eram os Skinheads. As letras eram apreciadas pela juventude inglesa e jamaicana, provenientes principalmente das classes operárias e médias baixas e faziam as delícias dos Skinheads e Rude Boys. Artistas como Desmond Dekker enchiam o estádio de Wembley, onde hordas de skinheads bailavam ao som de hits como 'Shanty Town' e 'Isrealites'. O afastamento de muitos skins, não todos, da cena reggae deu-se quando este estilo musical se afastou das origens e entrou no campo do rastafarianismo. Músicas religiosas, orgulho negro, regresso a África, babilónia, cultura das drogas, rastas em vez de cabelo curto, etc, não agradavam a maioria dos jovens que tinham dado força ao Reggae em Inglaterra.

De qualquer forma dezenas de artistas jamaicanos e ingleses (Judge Dread - Rude Reggae) mantiveram hasteada a bandeira do Skinhead e Early Reggae. O aparecimento do Ska made in England (Two Tone), e a sua expansão para todo o mundo e o aparecimento de centenas de bandas de Ska tradicional, Ska two tone e Skinhead Reggae veio colocar mais uma vez definitivamente estes sons no centro do movimento Skinhead.

Convém saber que uma banda de Skinhead Reaage não tem de ser composta por skins. Algumas destas bandas eram compostas por skins outras não. O que interessa é a música, as letras e o ritmo/som típico.

Deixo aqui o que banda escreveu no seu site: 'Somos uma banda de early reggae portuguesa, provavelmente a primeira banda a tocar este estilo de música por cá! Early Reggae foi o primeiro tipo de reggae existente, nos finais dos anos 60. Tal como a maioria das bandas Jamaicanas daquele tempo, incorporamos música negra americana no nosso som como o soul, funk, r&b e o rock'n'roll. Os membros da banda vêm da região de Lisboa e tocam em bandas como Contratempos, Ummadjam, Soul Caravan, e Não Mata Mas Mói.
As nossas principais influências vão de bandas dos anos 60 como
Toots & The Maytals, The Uppsetters, Lloyd Charmers & The Hippy Boys ou Dave Barker & Ansel Collins, e acabam com mais recentes The Aggrolites e Los Granadians. O nosso reggae pode ser tão sujo como um esgoto, mas esperamos não cheirar assim tão mal!'

Para os apreciadores deste som fica aqui o anúncio do primeiro concerto dos The Ratazanas: E eis que chega o nosso primeiro concerto de longa duração! Dia 3 de Março vamos estar no Clube Mercado (Rua das Taipas nº 8, ao lado do Elevador da Glória) às 23h. A entrada é a 5€. Esperamos ver-vos lá!

Fica aqui também a publicidade à sua primeira gravação: 'Gravámos finalmente a nossa modesta demo caseira, com 3 músicas originais e uma versão skinhead reggae de uma música do Vic Ruggiero chamada "Until the Early Morning". Podem ouvi-las no nosso mp3 player no topo da página ou fazer download das músicas na secção de música.'

Para os mais curisos aqui ficam os temas dos The Ratazanas. O meu preferido é o segundo 'Los Charolastras'

1. The Truth About Johnny C

2. Los Charolastras

3. King Kong

4. Until the Early Morning (versão skinhead reggae de uma música do Vic Ruggiero)

Fontes: The Ratazanas / Movimento Ska.

Etiquetas: , , ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial


 

 

free website stats program